Until November 24, CCBB presents the spectacle “Dogville”, a play directed by Brazilian director Zé Henrique. Thursdays to Saturdays at 7 pm and Sundays at 8 pm.

Até o dia 24 de novembro, o CCBB apresenta o espetáculo “Dogville”, uma peça dirigida pelo diretor Brasileiro Zé Henrique. De quinta à sábado às 19h, e domingo às 20h.

Brazilian director Zé Henrique de Paula directs the first Brazilian theatrical adaptation for Dogville, the masterpiece of Danish filmmaker Lars Von Trier.

The plot takes place in the fictional town of Dogville, a small, obscure town perched at the top of a mountain range at the end of a dead-end road where few families of seemingly kind and welcoming people reside, though they live in precarious living conditions. The quiet routine of the residents of this place is shaken by the unexpected arrival of Grace (Larissa Maciel), a mysterious outsider who seeks shelter to hide from a group of gangsters.

Hosted by Tom Edison Jr. (Rodrigo Caetano), who, based on the situation, convinces other residents to receive her. Grace, though never having worked before in her life, decides to offer her services to the families of Dogville in thanks for their generosity. However, in the course of the plot, a perverse game is started among city dwellers and Grace: the more she works and exposes her fragility and kindness, the more the citizens abuse of the situation, leading to extreme outcomes.

A critical work for the contemporary world, consumer society and  human limits.

 

Venue: “Dogville” no CCBB
When: Until November 24. Thursdays to Saturdays at 7 pm. Sundays at 8 pm.
Where: Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB – Setor de Clubes Sul – SCES, Trecho 2, lote 22, Asa Sul (in front of Clube de Golfe).
Price: BRL 30.00. Students and senior citizens pay half price.
Rating: 16
Information: (61) 3108-7600 

 

Adaptação da peça “DOGVILLE” do diretor Brasileiro Zé Henrique no CCBB

 

Até o dia 24 de novembro, o CCBB apresenta o espetáculo “Dogville”, uma peça dirigida pelo diretor Brasileiro Zé Henrique. De quinta à sábado às 19h, e domingo às 20h.

O diretor paulista Zé Henrique de Paula (vencedor dos prêmios Shell, APCA, Reverência, Aplauso Brasil e Arte Qualidade Brasil) dirige a primeira adaptação teatral brasileira para Dogville, obra prima da cineasta Dinamarquês Lars Von Trier.

A trama se passa na cidade fictícia de Dogville, uma pequena e obscura cidade situada no topo de uma cadeia montanhosa, ao final de uma estrada sem saída, onde residem poucas famílias formadas por pessoas aparentemente ligadas e acolhedoras, embora vivam em precárias condições de vida . A pacata rotina dos moradores desse local é abalada pela chegada inesperada de Grace (Larissa Maciel), uma amostra misteriosa que busca abrigo para esconder um bando de gângsteres.

Recebido por Tom Edison Jr. (Rodrigo Caetano), que, com base na sua situação, convence os outros moradores a receber a cidade, Grace, apesar de nunca ter trabalhado na vida, decide oferecer seus serviços para as famílias de Dogville em agradecimento pela sua generosidade. No entanto, no decorrer do trama, um jogo perverso é iniciado entre os moradores da cidade e é forasteira: quanto mais ela faz e expõe sua fragilidade e sua bondade, mais os cidadãos de bem-estar e abuso dela, que sofrem situações extremos inimagináveis.

Uma obra de cunho crítico para o mundo contemporâneo e a sociedade de consumo e aborda também os limites humanos