Clube do Choro presents on Thursday, November 7, the musicians Carlos Henrique Machado and Ciron Silva, gathering for a live concert at 9 pm.

Brazilian musician, composer, mandolinist and music researcher Carlos Henrique Machado and guitarist, conductor and arranger, Ciron Silva forms a duo of excellence. The repertoire consists of choros and songs by great Brazilian composers, such as Villa Lobos, Jacob do Bandolim, Pixinguinha, Garoto, among others.

Carlos Henrique Machado and Ciron Silva have been working together in the world of Choro for over 40 years, having participated in the same groups for years with presentations in various states of Brazil and abroad.

 

Carlos Henrique Machado

 

Born in the Brazilian city of Volta Redonda, with over 40 years of musical history. Has joined various Choro groups, such as “Cinco no Choro”, “Tongue de Preto” and “Grupo Vera Cruz”.

In 2003, the musician released the authorial CD “Comigo Não, Violão” (Not with me, guitar), with great recognition from national and international media.

In 2005, he released his award-winning authorial project, the double album “Vale dos Tambores” with 35 songs composed especially for the work, a library made with historical texts and photos, bringing the result of a research done, alongside producer Celeste Silveira, for two years, for 287 cities and their districts in the Paraíba Fluminense, Minas Gerais and São Paulo Valley.

In 2006 he released the songbook “Choro Brasileiro de Carlos Henrique”, with 48 compositions.

Carlos Henrique Machado is today one of the most passionate contemporary Brazilian musicians. Composer, researcher and mandolinist, Carlos Henrique Machado is considered by great names in music and journalism both in Brazil and abroad, one of the best choro composers of the generation.

In his first work “Vale dos Tambores”, sponsored by Eletrobrás, which he received in 2005 the Rival Petrobrás Music Award, he reveals, after extensive research, or the result of his creation in 35 compositions. This result is proved by an error of commitment to a musical history of Brazil and, consequently, to a history of choro and samba.

The contribution and influence of Vale do Paraíba (Fluminense, São Paulo and Minas Gerais) in the two main Brazilian songs, samba and choro that are explicitly in this work. So we can explain one of the main questions: why some icons various strands of our music originate in the Paraíba River Basin, or turn into one of the most productive regions of our entire musical history, Clementina de Jesus, Erivelto Martins, Ari Barroso, Geraldo Pereira, Egberto Gismonti, Baden Pawel, Rosinha de Valença, Tânia Maria, Dilermando Reis, Bonfiglio de Oliveira, Mano Elói, Altamiro Carillon, Patápio Silva and etc.

The musician immersed himself in this universe of the Paraíba Valley, from the eighteenth century to the present day. It was understood or represented as bands of slaves hardly diffused in Vale farms, they effectively contributed to the technical music in Brazil, and their meaning in the construction of choro and samba. It was listening to catiras, tunes, lundus, calangos, jongos, congadas, drums of umbigada, finally as spontaneous songs that gave all the raw material of what is conceived until today as Brazilian popular music.

In this work, Carlos Henrique Machado, in a creation and a huge variation of arrangements and possibilities of contemporary styles, information about the construction of our identity from the nineteenth century, especially regarding popular manifestations such as revelry of kings and songs. and all this contributed to the formation of Brazilian music.

 

 

Ciron Silva

 

Six and seven string guitarist and arranger. Born in the Brazilian city of Volta Redonda, Ciron has been a musician for over 40 years. He was a member of several choro groups, such as “Cinco no Choro”, “Tongue de Preto”, “Quinteto Vera Cruz” and “Trio Corda Bamba”. It is currently a member of the Quinteto Vera Cruz and Katurama Quinteto Groups.

He studied at the Escola de Música Villa Lobos (Villa Lobos School of Music) in the city of Rio de Janeiro from 1979 to 1981. He took the CIVEBRA Course (International Summer Course of the School of Brazilian Music) in the Classical Guitar and History of Brazilian Music courses in February 1981.

Studied Harmony and Arrangement with Ian Guest at CIGAM (Ian Guest Center for Musical Improvement in the city of Rio de Janeiro from 1991 to 1994.

From 1991 to 2010, he served as a guitar and harmony teacher at CIGAM. From 1994 to 2000, he was a professor of Harmony and Guitar at the Faculty of Music Therapy of the Brazilian Conservatory of Music of Rio de Janeiro.

From 1995 to 1999, he was a professor at the UERJ Music Workshop.

In 2005 she participated in the recording of the award winning double album and research “Vale dos Tambores”, by composer and mandolinist Carlos Henrique Machado.

In January 2010, he participated in the Curitiba Music Festival in the conducting class of teacher and conductor Osvaldo Ferreira.

Alongside producer Ricardo Otoboni, he produced several soundtracks for the series “You Decide” and “Yellow Woodpecker Site” (2002 version) of Rede Globo de Televisão.

From 1999 to 2011, he performed as a guitarist and arranger for several concerts of the CSN Foundation Youth Orchestra.

From 2005 to 2011, he was Musical Coordinator of the project “Garoto Cidadão”, Experimental Orchestra and Young Symphony Orchestra of CSN Foundation.

He participated in several recordings alongside the musicians Nelson Faria, Jorjão Barreto, Carlos Henrique Machado, Helio Delmiro, Marcelo Mariano, Teo Lima, Paulinho Trompete, Alceu Maia, Claudio Jorge, Arthur Maia, Gilson Peranzzeta, Joao Bosco, Caetano Veloso , Tárcio, Ivan Lins, among others.

As a guitarist and arranger, participated in shows and concerts by big names such as Beth Carvalho, Ivan Lins, Nana Caymmi, Renato Teixeira, Toquinho, Emilio Santiago, Leci Brandão, Lô Borges, Fatima Guedes, Quinteto Vera Cruz, Katurama Quinteto, Carlos Henrique Machado, among others.

 

Venue: Carlos Henrique Machado e Ciron Silva no Clube do Choro.
When: November 7, 9 pm.
Where: Clube do Choro – Setor de Divulgação Cultural, bloco G, Eixo Monumental (avenue), Brasilia (next to Centro de Convenções (Convention Center) Ulysses Guimarães, in front of the Football Stadium.
Price: BRL 40.00. Students and senior citizens pay half price.
Rating: 14
Information: (61) 3224-0599.

 

 

 

 

 

Músicos Brasileiros Carlos Henrique Machado e Ciron Silva no Clube do Choro.

 

O Clube do Choro apresenta na quinta, 7 de novembro, os músicos Carlos Henrique Machado e Ciron Silva, se unindo para uma performance ao vivo às 21h.

 

O músico, compositor, bandolinista e pesquisador da música brasileira, Carlos Henrique Machado e o violonista, maestro e arranjador, Ciron Silva formam um Duo de excelência. O repertório é composto por choros e músicas de grandes compositores brasileiros, como Villa Lobos, Jacob do Bandolim, Pixinguinha, Garoto, entre outros.

 

Carlos Henrique Machado e Ciron Silva atuam juntos no mundo do Choro há mais de 40 anos, tendo participado dos mesmos grupos durante anos com apresentações em diversos estados do Brasil e também no Exterior.

 

 

Carlos Henrique Machado

 

Nascido em Volta Redonda, com mais de 40 anos de história musical. Participou de vários grupos de choro, como “Cinco no Choro”, “Língua de Preto” e “Grupo Vera Cruz”. 

Em 2003, o músico lançou o CD autoral “Comigo Não, Violão”, com grande reconhecimento tanto da mídia nacional e internacional como do público.

Em 2005, lançou o seu, também autoral e premiado álbum duplo e pesquisa, “Vale dos Tambores” com 35 músicas compostas especialmente para o trabalho, um libreto confeccionado com textos e fotos históricas, trazendo o resultado de uma pesquisa feita, ao lado da produtora Celeste Silveira, durante dois anos, por 287 cidades e seus distritos no Vale do Paraíba fluminense, mineiro e paulista. 

Em 2006 lançou o seu Songbook “Choro Brasileiro de Carlos Henrique”, com 48 composições.

Carlos Henrique Machado é hoje um dos mais festejados músicos contemporâneos brasileiros. Compositor, pesquisador e bandolinista, Carlos Henrique Machado é considerado por grandes nomes da música e do jornalismo tanto no Brasil quanto no exterior, um dos melhores compositores de choro da atualidade. 

Em seu premiado trabalho “Vale dos Tambores” patrocinado pela Eletrobrás, que recebeu em 2005 o prêmio Rival Petrobrás de Música, ele revela, após uma extensa pesquisa, o resultado de sua criação em 35 composições. Este resultado é proveniente de um misto de compromisso com a história musical do Brasil e consequentemente, com a história do choro e do samba, filhos diretos dos batuques e cantos de terreiros. 

A contribuição e a influência do Vale do Paraíba (fluminense, paulista e mineiro) nas duas principais músicas brasileiras, o samba e o choro que estão explicitadas neste trabalho. Conseguindo então explicar uma das suas principais indagações: porque tantos ícones de várias vertentes da nossa música têm sua origem da Bacia do Rio Paraíba, o que a transforma numa das regiões mais produtivas de toda a nossa história musical, Clementina de Jesus, Erivelto Martins, Ari Barroso, Geraldo pereira, Egberto Gismonti, Baden Pawel, Rosinha de Valença, Tânia Maria, Dilermando Reis, Bonfiglio de Oliveira, Mano Elói, Altamiro Carrilhão, Patápio Silva e etc. 

O músico mergulhou nesse universo do Vale do Paraíba, desde o século XVIII até os dias de hoje. Foi entender o que representou as bandas de escravos fartamente difundidas nas fazendas do Vale, elas que deram efetiva contribuição à música técnica no Brasil, e o significado delas na construção do choro e do samba. Foi ouvir catiras, toadas, lundus, calangos, jongos, congadas, batuques de umbigada, enfim as músicas espontâneas que deram toda a matéria-prima do que se concebe até hoje como música essencialmente brasileira.

Neste trabalho Carlos Henrique Machado une criação e uma enorme variação de arranjos e possibilidades do choro contemporâneo, informações inéditas sobre a construção da nossa identidade a partir do século XIX, principalmente no que diz respeito às manifestações populares como folia de reis e moçambiques e como tudo isso contribuiu para a formação da música brasileira.

 

Ciron Silva

 

Violonista de seis e sete cordas e arranjador. Nascido em Volta Redonda, é músico há mais de 40 anos. Foi integrante de diversos grupos de choro, tais como, “Cinco no Choro”, “Língua de Preto”, “Quinteto Vera Cruz” e “Trio Corda Bamba”. Atualmente é componente dos Grupos Quinteto Vera Cruz e Katurama Quinteto. 

Estudou na Escola de Música Villa Lobos no Rio de Janeiro de 1979 a 1981. Fez o Curso CIVEBRA (Curso Internacional de Verão da Escola de Música Brasileira) nos curso de Violão Clássico e História da Música Brasileira em fevereiro de 1981.

Estudou Harmonia e Arranjo com Ian Guest, no CIGAM (Centro Ian Guest de Aperfeiçoamento Musical na cidade do Rio de Janeiro no período de 1991 a 1994.

De 1991 a 2010, atuou como professor de Violão e Harmonia no CIGAM. De 1994 a 2000, foi professor de Harmonia e Violão da Faculdade de Musicoterapia do Conservatório Brasileiro de Música do Rio de Janeiro.

De 1995 a 1999, foi professor da Oficina de Música da UERJ.

Em 2005 participou da gravação do premiado álbum duplo e pesquisa “Vale dos Tambores”, do compositor e bandolinista Carlos Henrique Machado.

Em janeiro de 2010, participou do Festival de Música de Curitiba na classe de Regência do professor e maestro Osvaldo Ferreira.

Ao lado do produtor Ricardo Otoboni, produziu várias trilhas sonoras para o seriado “Você Decide” e “Sítio do Pica-pau Amarelo” (versão 2002) da Rede Globo de Televisão.

De 1999 a 2011, apresentou-se como violonista e arranjador de vários concertos da Orquestra Jovem da Fundação CSN.

De 2005 a 2011, foi Coordenador Musical do projeto “Garoto Cidadão”, Orquestra Experimental e Orquestra Sinfônica Jovem da Fundação CSN.

Participou de diversas gravações ao lado dos músicos Nelson Faria, Jorjão Barreto, Carlos Henrique Machado, Helio Delmiro, Marcelo Mariano, Teo Lima, Paulinho Trompete, Alceu Maia, Claudio Jorge, Nema Antunes, Arthur Maia, Gilson Peranzzeta, João Bosco, Caetano Veloso, Tárcio, Ivan Lins, entre outros.

Como violonista e arranjador, participou de shows e concertos de grandes nomes como, Beth Carvalho, Ivan Lins, Nana Caymmi, Renato Teixeira, Toquinho, Emílio Santiago, Leci Brandão, Lô Borges, Fátima Guedes, Quinteto Vera Cruz, Katurama Quinteto, Carlos Henrique Machado, entre outros.